Seguidores

domingo, 10 de abril de 2011

Paranormais Russos - Ninel Kulagina e outros - (Dublado, Português, PT-br) – Vídeos depois do texto

O QUE É PARAPSICOLOGIA

É o estudo dos fenômenos paranormais, estes classificados, no Brasil, sob a seguinte taxionomia:

· PSI-GAMA – Telepatia, Precognição e Clarividência: percepções bio-psíquicas de informações, atuais ou futuras, sem interferência da lógica ou de qualquer sentido conhecido.

· PSI-KAPA – Psicocinese: manifestações energéticas de agentes bio-psíquicos vivos, com violação flagrante das leis físicas atuais.

· PSI-TETA – Categoria de fenômenos que envolvem comunicação inteligente com entidades individualizadas extra-cerebrais

· FENÔMENOS ATÍPICOS – Vasto espectro fenomênico, sem explicação razoável, situado ainda no nível empírico da pesquisa, do qual são exemplos as influências de formas geométricas, de cristais e de cores sobre organismos biológicos e não biológicos.

PARAPSICOLOGIA NO MUNDO

· USA – A Parapsicologia possui o status de ciência, sendo praticada em uma centena de centros universitários, ao nível de pós-graduação. As pesquisas concentram-se na Universidade, institutos independentes, marinha de guerra e NASA.

· URSS – Estudos quase todos concentrados no Centro de Pesquisas de Alma-Ata. As experiências são sigilosas ou, quando divulgadas, envolvidas em uma cortina de fumaça. Na URSS a Parapsicologia é chamada de Psicotrônica.

· JAPÃO – As pesquisas são descentralizadas por várias indústrias, principalmente de  equipamentos eletrônicos, tais como a Mitsubishi, a Toshiba e a Sony. O sigilo é mantido por uma questão de competição industrial.

· EUROPA – Pesquisas, estudos e cursos espalhados por centenas de institutos e universidades, de London, UK, até Dortmund, West Germany.

· ÍNDIA – O interesse pela Parapsicologia é generalizado na população. Pesquisas de alto nível, principalmente nas áreas da Física, da Matemática e da Biologia, são realizadas nas universidades de Andra, Calcutá, Bombay, New Delhi e Madras.

ALGUMAS EXPERIÊNCIAS MUNDIAIS CONHECIDAS

· Pesquisas positivas em Alma-Ata, URSS, com a paranormal psicocinética Nina Kulagina.

· Assessoria médica permanente ao presidente Mikhail Gorbatchev, URSS, pela sensitiva de cura Djuna.

· Pesquisas com paranormais no Stanford Reserarch Institute, USA, apresentando resultados notáveis, orientadas pelos físicos Targ e Puthoff, PhD.

· Pesquisas no King’s College, UK, com vários paranormais, dirigidas pelos físicos Taylor e Balanovsky, PhD.

· Pesquisa estatística de longo prazo com paranormais, usando o metido Rhine, na Duke University, USA. Ponto de partida para o reconhecimento da Parapsicologia como ciência nos USA.

· Experimento, sob rígido controle, com cobaias, pela marinha de guerra norte-americana, utilizando submarino nuclear sob o pólo norte, indicando percepção extra-sensorial animal.

· Experiências sistemáticas da NASA com astronautas norte-americanos, quando da passagem do módulo de navegação no hemisfério oculto da Lua, confirmando a percepção extra-sensorial no momento em que a telecomunicação convencional era impossível.

· Pesquisa do controvertido israelense Geller pelo físico indo-bretão Puharich, PhD.

· Experiências com polígrafos para detecção da sensibilidade vegetal, realizadas nos USA por Backster e repetidas com sucesso em todo o mundo.

· Estudo sobre a aplicabilidade bélica das fotografias Kirlian (da chamada “aura”), pelo exército norte-americano, conforme a publicação oficial Military Review.

· Gravação de vozes e reprodução de imagens de entidades, possivelmente não materiais, em toda a Europa, através de aparelhagens eletro-eletrônicas (Espiricom e Videocom).

· Tentativa teórica do Nuclear Physics Institute, Calcutá, Índia, de transmissão instantânea de sinais por táquions (partículas lógicas mais velozes que a luz).

· Experiência de desmaterialização de um navio destroyer em Norfolk, Virginia, USA, pela marinha de guerra norte-americana, sob ação de forte campo eletromagnético circundante (Philadelphia Project).

· Apoio sistemático de paranormais telepatas aos enxandristas soviéticos nas competições internacionais.

Fonte do texto: http://www.parapsicologia.org.br/sarti-9.htm

 

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ADICIONE SEU COMENTÁRIO AQUI