Seguidores

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Divulgar o Espiritismo é a melhor maneira de orientar a nova visão do Cristianismo com Jesus -Allan Kardec-Chico Xavier-Pense nisto!

 

clip_image001

 

MENSAGEM EM PORTUGUÊS-ESPAÑOL-ENGLISH-ITALIANO

 

SEMINÁRIO: ALLAN KARDEC, ONTEM-HOJE E AMANHÃ-Português

ESCRITOR JOSEVAL CARNEIRO LANÇA LIVROS EM SALVADOR-Português

RÁDIO ESPIRITA NOS USA-VANESSA ANSELONI-Português

ATENDIMENTO FRATERNO NA CASA ESPIRITA-Português

FILME CHICO XAVIER-Completo-Link do Youtube-Português

PROGRAMA DE TV-VISÃO ESPIRITA-Português

 

clip_image003 

Amigos(as). Deus conosco.

 

Novas mensagens para o despertar da Felicidade.

Veja Textos e Anexos. Divulguemos...

Com Votos de Paz para a Terra, somos,

 

João Cabral-Presidente da ADE-SERGIPE

Website: www.ade-sergipe.com.br

Novos Videos. Novas Mensagens e Músicas na Rádio Online. Veja!

Aracaju-25/02/2012

Assessoria Internacional da ABRADE-Brasil

clip_image004

Luz do Evangelho-Jesus é nosso guia

AÇÃO  E  CAMINHO

Emmanuel    Adaptado Luz do Evangelho

        Digo, caríssima irmã – Que o sentimento cria a idéia.

Eu respondo - A idéia gera o desejo.

Eu afirmo que - O desejo acalentado forma a palavra.

 Eu considero - A palavra orienta a ação.

Todavia - A ação detona resultados.

Realmente - Os resultados nos traçam o caminho nas áreas infinitas do tempo.

Enfim - Cada criatura permanece na estrada que construiu para si mesma.

Pois - A escolha é sempre nossa. 

 

QUERES FELICIDADE   Adaptado Luz do Evangelho

 

Mas – Felicidade, porém, é uma construção a fazer.

Por que -  Nossa felicidade é proporcional a felicidade que ofertamos ao nosso próximo.

Com certeza – O retorno é de lei!

Ainda mesmo que em migalhas, distribui a esperança e a alegria.

Pois – Mesmo sofrendo, oferece um sorriso aos outros.

E – Tanto que puderes, faze os outros felizes.

E daí – Pouco a pouco, terás centuplicadamente aquilo que semeaste.

Não te esqueças: felicidade é devolução.

 

 

clip_image006

 

Amigos
Encaminho a quem perdeu a oportunidade de ir ao cinema e desejar assistir o filme completo de Chico Xavier, vale a pena.
Não esqueçam da pipoca para aguentar a emoção.
Paz e luz

Chico Xavier – Filme Completo

 

http://www.youtube.com/watch?v=WAMPfIag7L4&feature=related

 

clip_image008 

O Escritor Espírita Dr. Joseval Carneiro na Academia Bahiana de Culura. Salve!
Conheçam os seus Livros sobre a Autoajuda na Visão Espírita...

 

PELIGROS DEL ALCOHOL

 clip_image010<> align=baseline v:shapes="_x0000_i1030">

-Escuche, Mozo… Si es verdad que el señor escribe para la Tierra, cuente mi caso, que puede ayudar a alguien…                  
La observación procedía de un rapaz desencarnado, en deplorable situación en un valle de suicidas.
Su cuerpo, que se hacía denso, pesado y oscuro, se retorcía, como si estuviese fijado en una agitación permanente, y, en la garganta, se le veían enrojecidas heridas, aumentadas por cierto por los pensamientos de angustia repercutiéndole, constantes, en forma atormentada.
Percibí su condición de afligido y procuré colocarlo a voluntad:
 
- Hable, mi hermano, quiero oírlo y aprender.
Y el joven, desprendido de la envoltura física, se trastornó en agónicos recuerdos:
- ¿Sabe? Fui en el Mundo una víctima de las copas… Todo comenzó en una fiesta…Me acuerdo…Una invitación inocente… Diversión… Un colega se acerco a mí con un frasco de bebida alcohólica… En seguida la intimidad amiga: un trago, sólo un trago… Rehusé… No tenía hábito… Alrededor de nosotros, la ronda alegre y expectante… “Entonces usted – se burló el compañero - , entonces usted es de los tales… Un marica… Hijito de mamá…
 
¿Qué hace usted con las calzas?...”
Ignoraba que aceptar un desafío de esos era peligroso para mí… Los otros bebían y carcajeaban… Acabé aceptando…
Engullí un trago, otro y otro más… Después la cabeza zonza y el placer eufórico… Al día siguiente, la necesidad de un aperitivo… Y de los aperitivos, pasé a la tomadera inveterada… Sastre bien pagado, en breve lapso comencé a deteriorarme en el servicio… Errores, faltas, borracheras, resacas… Terminadas las labores cotidianas, cambiaba el bar por el hogar… Y siempre el cuadro lastimero, noche a noche…Amigos sosteniéndome hasta la casa y, en la puerta, la cansada madrecita esperándome… Constantemente, la misma voz dulce, insistiendo y bendiciendo… “¡Hijo mío, no beba!, ¡no beba más!..

” Mi reacción negativa nunca fallaba…
Vociferaba, amenazaba, apretándole los brazos trémulos… La mañana inmediata, los remordimientos y las promesas de corrección y reajuste… Pero sobreviniendo la noche, sin embargo, nuevas borracheras y disparates… En varias ocasiones, al despertar, sorprendía platos y vasos quebrados y la información extraña de que yo era el culpable… Estuve en un pavoroso delirio, perpetrando desatinos y violencias… Me aborrecía, me arrepentía… Entre tanto, la sed de alcohol siempre más fuerte… Los sucesos infelices se sobreponían unos a otros, hasta que, un día, desperté en la cárcel…
Oh! ¿Por qué? ¿Por qué la prisión? Me horrorizó la respuesta del guardia…”Usted es un asesino”… ¿Yo? ¿Un asesino?... Y él: “sí, usted, “su mareado”, usted mató”… Sollocé, aplastado de sufrimiento… El pecho parecía reventarme y grité: “mi Dios, mi Dios, ¿qué será de mi madre?... Ahí, vino la revelación terrible: “fue ella misma a quien usted destruyó… su madre, su víctima”… No lo creí… Pedí pruebas… Llevado a la residencia bajo la custodia de algunos soldados, aún pude verla cadáver en la urna… Mostraba en la garganta las huellas de estrangulamiento… En torno de nosotros, los testigos…
Los que me habían visto de cerca con los dedos clavados en la carne materna, en el momento de locura… Me arrodillé y grité inútilmente… Recogido a la cárcel, positivamente demente, aguardé hasta altas horas de la noche y, aprovechando algunas tiras del cobertor, me ahorqué… desde entonces, soy un trapo que vive, una llaga que piensa… El infeliz que el señor está viendo… ¡Ay de mí!... Si mi triste historia puede servir en beneficio de alguien, hable de ella a los otros, a los que se hallan en el camino terrestre, en el hoyo de la invigilancia o de la desesperación…

Anoté, allí mismo, el amargo episodio que describo en esta crónica y dejo el relato, con las propias palabras del desventurado protagonista, en nuestra presentación del asunto, para estudio y reflexión de los amigos reencarnados que por ventura nos lean.

Entre tanto, recordando mi propio escepticismo en el tiempo en el que permanecía en el enjundioso uniforme carnal, entre los hombres del plano físico, no estoy muy seguro de que alguien pueda realmente creer en nosotros.
Enviado por el hermano Bras

 
Hermano X- Mari Carmen-España                                                                                                                                                                                        clip_image012 clip_image014<> align=baseline v:shapes="_x0000_i1032">
Vanessa Anseloni-Baltimore-USA-Website. Veja agora!

Começando nossas atividades de 2012. 

Sueli Moretti

Departamento Doutrinário - USE - Jabaquara

 

 

clip_image016

Dra. Julia Nezu-Trabalhadora do Movimento Espirita de S. Paulo-Brasil

 

 

SEMINÁRIO: 
ATENDIMENTO FRATERNO NA CASA ESPÍRITA

 

Data: 18 de março de 2012 - das 8 às 13 horas


Local: 
Fraternidade Espírita Auta de Souza - Rua Loefgreen, 1428 - Vila Clementino (duas quadras atrás do Shopping Metrô Santa Cruz)


Realização:
 USE Distrital Jabaquara


Público Alvo:
 Dirigentes e trabalhadores da Casa Espírita


Objetivo:
 Aprimorar a recepção e atendimento por meio do diálogo aos que chegam na casa espírita, em busca de consolo ou de conhecimento espírita.

 

Programação

8:00 às 08:30 - recepção

8:30 às 10:30  - Objetivos do atendimento, organização, entrevistador - requisitos básicos, recepção e entrevista

10:30 às 10:45 - Intervalo para café

10:45 às 13:00 - Diálogo fraterno, orientação doutrinária

 

Facilitadores: Julia Nezu (1ª Vice-presidente da USE do Estado de SP) e equipe

 

Inscrições somente pelos e-mails até dia 14/3 ou até término das vagas: Sueli Moretti: sm.suelimoretti@yahoo.com.br e  Josy Almeida: josy.ss.almeida@gmail.com

e informações: 11 - 2068-6076 Sueli - Vagas limitadas

 

Taxa de colaboração: 10,00 para as atividades da USE Distrital Jabaquara. Contribuição no dia do evento.

 

Ficha de inscrição para o Seminário "Atendimento Fraterno na Casa Espírita", dia 18 de março de 2012, das 8 às 13 horas. 

Copiar e colar se necessitar de mais fichas. 
Caso não possa comparecer favor avisar para abrirmos vaga para outra pessoa.

Nome da Instituição:

Endereço:

Cidade:

Estado:

Fone:

e-mail:

Site:

Nome do participante:

Endereço:

Cidade:

Estado:

Fone:

e-mail:

Função no Centro:

 



clip_image018
La Codificación Espirita-Allan Kardec-Vea!

 

Necessidade da Encarnação

25. É um castigo a encarnação e somente os Espíritos culpados estão sujeitos a sofrê-la?
 
A passagem dos Espíritos pela vida corporal é necessária para que eles possam cumprir, por meio de uma ação material, os desígnios cuja execução Deus lhes confia. É-lhes necessária, a bem deles, visto que a atividade que são obrigados a exercer lhes auxilia o desenvolvimento da inteligência. Sendo soberanamente justo, Deus tem de distribuir tudo igualmente por todos os seus filhos; assim é que estabeleceu para todos o mesmo ponto de partida, a mesma aptidão, as mesmas obrigações a cumprir e a mesma liberdade de proceder. Qualquer privilégio seria uma preferência, uma injustiça. Mas, a encarnação para todos os Espíritos, é apenas um estado transitório. E uma tarefa que Deus lhes impõe, quando iniciam a vida, como primeira experiência do uso que farão do livre-arbítrio. Os que desempenham com zelo essa tarefa transpõem rapidamente e menos penosamente os primeiros graus da iniciação e mais cedo gozam do fruto de seus labores. Os que, ao contrário, usam mal da liberdade que Deus lhes concede retardam a sua marcha e, tal seja a obstinação que demonstrem, podem prolongar indefinidamente a necessidade da reencarnação e é quando se torna um castigo. - S. Luís. (Paris, 1859.)
 
26. NOTA. - Uma comparação vulgar fará se compreenda melhor essa diferença. O escolar não chega aos estudos superiores da Ciência, senão depois de haver percorrido a série das classes que até lá o conduzirão. Essas classes, qualquer que seja o trabalho que exijam, são um meio de o estudante alcançar o fim e não um castigo que se lhe inflige. Se ele é esforçado, abrevia o caminho, no qual, então, menos espinhos encontra. Outro tanto não sucede àquele a quem a negligência e a preguiça obrigam a passar duplamente por certas classes. Não é o trabalho da classe que constitui a punição; esta se acha na obrigação de recomeçar o mesmo trabalho.
Assim acontece com o homem na Terra. Para o Espírito do selvagem, que está apenas no início da vida espiritual, a encarnação é um meio de ele desenvolver a sua inteligência; contudo, para o homem esclarecido, em quem o senso moral se acha largamente desenvolvido e que é obrigado a percorrer de novo as etapas de uma vida corpórea cheia de angústias, quando já poderia ter chegado ao fim, é um castigo, pela necessidade em que se vê de prolongar sua permanência em mundos inferiores e desgraçados. Aquele que, ao contrário, trabalha ativamente pelo seu progresso moral, além de abreviar o tempo da encarnação material, pode também transpor de uma só vez os degraus intermédios que o separam dos mundos superiores.
 
Não poderiam os Espíritos encarnar uma única vez em determinado globo e preencher em esferas diferentes suas diferentes existências? Semelhante modo de ver só seria admissível se, na Terra, todos os homens estivessem exatamente no mesmo nível intelectual e moral. As diferenças que há entre eles, desde o selvagem ao homem civilizado, mostram quais os degraus que têm de subir. A encarnação, aliás, precisa ter um fim útil. Ora, qual seria o das encarnações efêmeras das crianças que morrem em tenra idade? Teriam sofrido sem proveito para si, nem para outrem. Deus, cujas leis todas são soberanamente sábias, nada faz de inútil. Pela reencarnação no mesmo globo, quis ele que os mesmos Espíritos, pondo-se novamente em contacto, tivessem ensejo de reparar seus danos recíprocos. Por meio das suas relações anteriores, quis, além disso, estabelecer sobre base espiritual os laços de família e apoiar numa lei natural os princípios da solidariedade, da fraternidade e da igualdade.
 
(O Evangelho Segundo o Espiritismo - Capítulo IV)
Marcos/Marcos

 

clip_image020

Viver pensando na Felicidade. Pense nisto!

 

Amigos do Programa VISÃO ESPÍRITA

Convidamos a todos  para assistirem conosco as variadas matérias desta REVISTA ELETRÔNICA NA TV deste domingo:

 

NÓS E O UMBRAL ;   DIVALDO FRANCO RESPONDE PERGUNTAS;  LIVRO DOS ESPÍRITOS E O ABORTO ;    CONTINUAÇÃO DAS REFLEXÕES SOBRE "NOSSO LAR " ;   AS "ABOBRINHAS" DO EURÍPEDES ;   NANDO CORDEL CANTA "PAZ PELA PAZ" ;     JORGE REIS FALA DO LANÇAMENTO DE SEU LIVRO; MARIO VINHAS,CHICO XAVIER E OS BENEFÍCIOS DA PRECE COM  ENERGIZAÇÃO DA ÁGUA.

 

EXIBIÇÕES PELA REDE TV NET NO DOMINGO

Canal   9 -10h00 da manhã - S.José e Jacareí

Canal 10 - 22h00 - S.José e Jacareí

Canal 21 - 22h00 - Taubaté e Caçapava

 

Reprises pelo Canal 9 - S.José e Jacareí - Quartas ( 17h00) e Quintas (22h00).

                                                          Programas anteriores: www.visaoespirita.tv

 

IMPORTANTES:

> Ajude os desabrigados do Pinheirinho-S.J.Campos- Vejam como pelo link http://youtu.be/khzhmYraTFA

> Por problemas técnicos o Canal 9 esteve fora do ar por alguns dias. Já regularizados.

> Sábado é o dia do 1o.Encontro de UNIÃO DOS ESPÍRITAS. Compareça, para evidenciar que nossa prática de fraternidade para com toda sociedade começa "dentro de casa", isto é, entre nós espíritas.

CÂMARA MUNICIPAL de S.J.Campos, a partir das 18h, contando também com palestra do prof.ALKINDAR DE OLIVEIRA.

 

Abraço fraterno

Equipe VISÃO ESPÍRITA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ADICIONE SEU COMENTÁRIO AQUI