Seguidores

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

MAIS NOTÍIAS ESPÍRITAS

clip_image001

MENSAGEM EM PORTUGUÊS E ESPAÑOL

SEMINÁRIO-REENCARNAÇÃO E FELICIDADE-Português

SEMINÁRIO-A VIDA NO MUNDO ESPIRITUAL-Português/Español

ESPIRITISMO: CIÊNCIA - FILOSOFIA-RELIGIÃO-Português

ENCONTRO DE TRABALHADORES AREA ASSISTENCIAL-USE-SP-Português

*FOTOS DO III-ENCONTRO DOS AMIGOS DE CHICO-Lindas!Português

EXISTE AMOR EN LOS ANIMALES-Español

* Veja as Fotos deste Evento de Luz-Anexo.

Queridos amigos(as). Amor e Luz, sempre.

Novas mensagens de Esperança para os nossos dias...

Vejam os Textos e Anexos

Com votos de mais Luz para nós e para a Terra, somos,

João Cabral-Presidente da ADE-SERGIPE

Website: www.ade-sergipe.com.br

Em 29.07.2010

Aracaju-Sergipe-Brasil

Assessoria Internacional da ABRADE-Brasil

clip_image002

clip_image004

PARA: JORNAL CORREIO ESPÍRITA

ESPIRITISMO: CIÊNCIA, FILOSOFIA, E RELIGIÃO

Conforme alguns lexicólogos, a palavra Ciência vem do latim – scientia – que significa conhecimento exato de certas coisas. É a primeira das três palavras que exprimem o tríplice aspecto sob o qual se apresenta a Doutrina Espírita, composta pelos três pilares que a sustentam: CIÊNCIA, FILOSOFIA e RELIGIÃO. Entendemos que todos estes três aspectos, geradores de conseqüências morais para a humanidade, são importantes, de acordo com a linha de pensamento exposta a seguir.

CIÊNCIA: ESTUDO E PESQUISA DOS FENÔMENOS

Se entendemos por ciência a sistematização lógica dos conhecimentos resultantes da observação e da experiência, orientados e dirigidos convenientemente, então, não há dúvida: o Espiritismo é também ciência. Ademais, se a ciência tem como finalidade a rigorosa investigação dos fatos observáveis, decorrentes de causas ignoradas, cuja extensão e natureza procura conhecer a fim de deduzir suas leis, o Espiritismo, ainda assim, é ciência, e como tal requer, por força de seus métodos comprovadamente experimentais, o lugar que lhe deve caber na classificação das ciências ditas positivas.

As características científicas da Doutrina Espírita são evidentes quando examinamos o intercâmbio existente entre encarnados e desencarnados. Neste caso, ela é pura ciência quando comprova, experimentalmente, a existência do Espírito e sua sobrevivência ao desaparecimento do corpo físico, por meio dos fenômenos espíritas.

Como se sabe, a pesquisa séria e toda a análise criteriosa conduzem sempre o homem ao encontro da verdade. Eis porque Allan Kardec, observando os fenômenos das chamadas “mesas girantes”, chegou a conclusões tão significativas capazes de levá-lo a codificar o Espiritismo. Por outro lado, embora os princípios da Doutrina Espírita sejam comprovados experimentalmente, o que lhe confere o caráter cientifico, podemos afirmar que a mesma é essencialmente filosófica.

Diante de tais colocações, concluímos que o Espiritismo como Ciência, estuda e pesquisa os fenômenos espíritas como fatos naturais e universais perfeitamente observáveis, e prova que os Espíritos existem e são imortais, sendo eterna a vida.

FILOSOFIA: INTERPRETAÇÃO DOS FATOS

O Espiritismo, enquanto Filosofia, define as responsabilidades do Espírito encarnado e desencarnado, estabelecendo uma regra moral de vida e comportamento para os seres da Criação, dotados de razão e consciência.

Ao encontro dessa assertiva, a questão 614, de O Livro dos Espíritos, nos mostra que “a Lei Natural é a Lei de Deus. É a única verdadeira, para a felicidade do homem. Indica-lhe o que deve fazer, e ele só é infeliz quando dela se afasta”.

Portanto, o aspecto filosófico do Espiritismo está no estudo que faz do homem, em sua dimensão física e espiritual, da sua origem, da sua destinação e de seus problemas; e no estudo de Deus, Criador de todas as coisas e que tudo dirige inteligentemente.

Podemos dizer, então, que o Espiritismo enquanto Filosofia compreende todas as conseqüências morais que emanam da interpretação dos fatos naturais e universais, permitindo ao Homem chegar, pela reflexão e pela razão, à verdade a respeito de si, conforme alguns lexicólogos, e mesmo da Vida, do Mundo e de Deus.

RELIGIÃO: UMA DAS BASES DO ESPIRITISMO

Vale lembrar que, em todas as obras da Codificação, Allan Kardec evidenciou o caráter religioso do Espiritismo, como demonstraremos através das citações que faremos a seguir:

a) “O Espiritismo é forte porque assenta sobre as próprias bases da Religião: Deus, a Alma, as Penas e as Recompensas Futuras” – O Livro dos Espíritos (Conclusão, Item 5);

b) “(...) o Espiritismo repousa sobre as bases fundamentais da Religião e respeita todas as crenças; (...) um de seus efeitos é incutir sentimentos religiosos nos que os não possuem, fortalecê-los nos que os tenham vacilantes (...)” – O Livro dos Médiuns (1ª Parte, Capítulo III, Item 24);

c) “A Ciência e a Religião são as duas alavancas na inteligência humana: Uma revela as leis do mundo material e a outra as do mundo moral. Tendo, no entanto, essas leis o mesmo princípio, que é Deus, não podem contradizer-se” – O Evangelho Segundo o Espiritismo (Capítulo I, Item 8);

d) “(...) o Espiritismo vem opor um dique à difusão da incredulidade (...)” – O Céu e o Inferno (1ª Parte, Capítulo I, Item 4);

e) “O Espiritismo, longe de negar ou destruir o Evangelho, vem ao contrário, confirmar, explicar e desenvolver, pelas novas leis da natureza, que revela, tudo quando o Cristo disse e fez (...)” – A Gênese (Capítulo I, Item 41);

f) “O Espiritismo é uma religião e nós nos ufanamos disso” – Discurso de 1º de Novembro de 1868, pronunciado na Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas e publicado na Revista Espírita (Dezembro de 1868);

g) “O Espiritismo vem confirmar as verdades fundamentais da Religião” – O Que é o Espiritismo (Terceiro Diálogo); e,

h) “O Espiritismo (...) não vem destruir os fatos religiosos, porém sancioná-los, dando-lhes uma explicação racional (...)” – Obras Póstumas (1ª Parte, Manifestações dos Espíritos, Item 7).

Por essas afirmações muito claras do Codificador, podemos dizer que a Religião que se traduz em fé na existência de Deus, na certeza da imortalidade da alma, na grandeza da vida aqui e no Mais Além, é o fator decisivo que garante a vida espiritual estruturada em nosso mundo, principalmente por intermédio da vida social e familiar.

Pelo visto, o Espiritismo como Religião compreende os deveres do Homem para com Deus, não admite liturgia ou culto exterior, prega a fé raciocinada e repousa sobre as bases fundamentais da crença religiosa: Deus, a alma e a vida futura.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Após tais considerações, podemos responder à pergunta-título deste artigo com o pensamento do benfeitor espiritual Emmanuel, à questão 260 de O Consolador, livro psicografado pelo médium Chico Xavier, ao ser perguntado se, “em face da Ciência e da Filosofia, como interpretar a Religião nas atividades da vida”. A resposta é cabal:

“Religião é o sentimento Divino, cujas exteriorizações são sempre o Amor, nas expressões mais sublimes. Enquanto a Ciência e a Filosofia operam o trabalho da experimentação e do raciocínio, a religião edifica e ilumina os sentimentos. As primeiras se irmanam na sabedoria, a segunda personifica o amor, as duas asas divinas com que a alma humana penetrará, um dia, nos pórticos sagrados da espiritualidade”.

Gerson Simões Monteiro

é Presidente da Fundação Cristã-Espírita

Cultural Paulo de Tarso

(operadora da Rádio Rio de Janeiro)

e-mail: gerson@radioriodejaneiro.am.br

clip_image006

VEJAM TODAS FOTOS NO ANEXO-Lindas! O Encontro do Século.

Sequência das fotos do III Encontro Nacional dos Amigos de Chico Xavier e sua Obra realizado em Uberaba,

17 e 18 de Julho de 2010.

Carlos Antônio Baccelli

Geraldo Lemos Neto

Sônia Barsante Santos

Jhon Harley Madureira Marques

Eurípedes Humberto Higino dos Reis

Nena Galves

Julieta Marques

Walter Barcelos

Haroldo Dutra Dias

Izabel Mazucatti

João Elias

Oceano Vieira de Melo

O salão onde se realizou o encontro

Geraldinho Lemos, Baccelli e Saulo Gomes

Baccelli sendo entrevistado

Márcia Baccelli recebendo flores de Geraldinho Lemos

Heigorina Cunha de Sacramento

O Coral En-Cantando Deus de Campinas

Sérgio e Marlene Santos de Uberaba com os organizadores e trabalhadores

Confraternização final do encontro

Realizou-se em clima de alegria e paz, saudade e reconhecimento o III Encontro Nacional dos Amigos de Chico Xavier e sua Obra na cidade mineira de Uberaba nos últimos dias 17 e 18 de Julho de 2010. Idealizado pelos amigos Geraldinho Lemos e Carlos Baccelli em 2007 o encontro se firma em seu terceiro ano consecutivo como atividade que congrega os adeptos da Doutrina Espírita que se inspiram na vida e na obra do médium Chico Xavier como modelo a ser seguido nas atividades doutrinárias e caritativas. Promovido pelas alianças municipais espíritas da cidade natal de Chico, Pedro Leopoldo, e da cidade de Uberaba, contou também com o patrocínio e o apoio de diversas entidades.

Inicialmente a cantora Paula Zamp de São Paulo encantou-nos com sua voz, preparando o ambiente para as palestras que se seguiram. Em seguida o Coral En-Cantando Deus - da AMIC de Campinas, coordenado por nossa irmã Eliana, levou a platéia de cerca de 1.500 pessoas às lágrimas em momento de ternura e emoção, apresentando um sket de Chico Xavier atendendo uma catadora de papel.

Eurípedes Humberto Higino dos Reis recebeu do grupo especial homenagem, juntamente com Neusa de Assis, a Donda.

Depois foram homenageadas as seguintes amigas de Chico Xavier : Yolanda Cezar, de São Paulo; Elba de Melo Álvares de Goiânia; Sylvia de Almeida Barsante de Araxá; Heigorina Cunha de Sacramento; Márcia Queiroz Silva Baccelli de Uberaba, que receberam flores e uma placa comemorativa do evento.

Sônia Maria Barsante Santos, do Grupo Espírita da Prece de Chico Xavier, iniciou o ciclo de palestras discorrendo magnificamente sobre a importância da evangelização da infância, da juventude e do Evangelho no Lar, sempre estimulados nas obras de Chico Xavier.  Logo após Alexandre Caroli Rocha teceu brilhantes comentários sobre sua dissertação de mestrado em torno da obra Parnaso de Além Túmulo mostrando-nos a identificação dos estilos próprios de cada poeta pelas mãos de Chico Xavier. Depois foi a vez de Nena Galves de São Paulo falar com emoção de sua ligação e de seu marido Francisco Galves com Chico Xavier que os estimulou por mensagens de Dr. Bezerra a abrir o Centro Espírita União - CEU - desdobrando as atividades também na editoração de livros da psicografia de Chico Xavier. No encerramento das tarefas do dia 17 foram lançadas obras em torno da vida e obra de Chico Xavier. Eurípedes Humberto Higino dos Reis lançou o livro CHICO XAVIER - O APÓSTOLO DO BRASIL; Carlos Antônio Baccelli lançou o livro 100 ANOS DE CHICO XAVIER - FENÓMENO HUMANO E MEDIÚNICO editado pela LEEP informando que o mesmo já se encontra com 15.000 exemplares distribuídos em todo o Brasil; Geraldo Lemos Neto falou sobre os lançamentos dos livros da psicografia inédita de Chico Xavier editados pelo Vinha de Luz -  SEMENTEIRA DE PAZ de autoria de Neio Lúcio e CHICO XAVIER - O PRIMEIRO LIVRO de poetas diversos, livro manuscrito por Chico entre os anos de 1928 e 1933; Jhon Harley Madureira Marques de Pedro Leopoldo lançou O VOO DA GARÇA - CHICO XAVIER EM PEDRO LEOPOLDO 1910 - 1959, obra biográfica do amado amigo; e por fim Oceano Vieira de Melo da Versátil Video Spirite de São Paulo lançou o DVD quádruplo contendo todas as palestras e apresentações dos encontros anteriores dos amigos de Chico Xavier, o I de Uberaba em 2008 e o II de Pedro Leopoldo em 2009, com o título LINDOS CASOS DE CHICO XAVIER CONTADOS POR SEUS AMIGOS.

A noite de sábado, 17 de Julho, terminou com a apresentação da peça teatral AS TRÊS REVELAÇÕES do Grupo Estandarte Chico Xavier no Teatro Municipal Vera Cruz de Uberaba às 20 horas.

No domingo, 18 de Julho, pela manhã tivemos a continuidade das palestras com os seguintes expositores : João Elias do Guarujá que discorreu sobre a influência de Chico Xavier na compreensão das nossas responsabilidades com o Cristo; Izabel Mazucatti de São Paulo que fez breve relato do caminhar das 3 revelações culminando com a mensagem do Evangelho Renovado com Allan Kardec e Chico Xavier; Haroldo Dutra Dias que discorreu com brilhantismo sobre os romances de Emmanuel e em especial o Paulo e Estêvão, mostrando-nos que somente hoje, 70 anos depois do seu lançamento, é que a comunidade bíblica internacional e seus estudiosos podem confirmar as revelações do espírito de Emmanuel; e por fim Walter Barcelos que trouxe-nos várias frases ditas por Chico Xavier que servem de referência e meditação sobre a vida de todos nós.

Os organizadores e trabalhadores que realizaram este III Encontro foram chamados para o encerramento das atividades em clima de descontração e alegria, acompanhando, de braços dados, a música do casal Sérgio Santos e Marlene de Uberaba, que brindou-nos com as músicas preferidas de Chico Xavier. Toda a assistência cantou também de pé formando uma corrente de união a amor em torno do amado Chico.

Ano que vem o IV Encontro Nacional dos Amigos de Chico Xavier e sua Obra terá sua continuidade na cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais.

clip_image008

                                  SEMINÁRIO: A VIDA EM UMA COLONIA ESPIRITUAL

SEMINÁRIO: LA VIDA EN UNA COLONIA ESPIRITUAL

29 de agosto de 2010

RIBEIRA DO POMBAL-BA

João Cabral

DEZ MANEIRAS DE AMAR A NÓS MESMOS

DIEZ MANERAS DE AMARNOS A NOSOTROS MISMOS

1 - Disciplinar os próprios impulsos.

1 – Disciplinar los propios impulsos.

2 - Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos.
2 – Trabajar, cada día, produciendo lo mejor que podemos.

3 - Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros.
3 – Atender los buenos consejos que trazamos para los otros.

4 - Aceitar sem revolta a crítica e a reprovação.
4 – Aceptar sin rebeldía la crítica y la reprobación.

5 - Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas.
5 – Olvidar las faltas ajenas sin disculpar las nuestras.

6 - Evitar as conversações inúteis.
6- Evitar las conversaciones inútiles.

7 - Receber no sofrimento o processo de nossa educação.
7 – Recibir en el sufrimiento el proceso de nuestra educación.

8 - Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem.
8 – Callar delante de la ofensa, retribuyendo el mal con el bien.

9 - Ajudar a todos, sem exigir qualquer  pagamento de gratidão.
9 – Ayudar a todos, sin exigir cualquier pago de gratitud.

10 - Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos sem desanimar e colocando-nos a serviço do Divino Mestre, hoje e sempre.
10 – Repetir las lecciones edificantes, tantas veces cuantas hicieran necesarias, perseverando en el perfeccionamiento de nosotros mismos sin desanimar y colocarnos a servicio del Divino Maestro, hoy y siempre.

André Luiz-Espírito
André Luiz-Espíritu
(Do livro Paz e Renovação, F.C.Xavier)

(Del libro Paz y Renovación, F. C. Xavier)

Traducción del Grupo Amor en Acción-España

clip_image010

www.uselapa.com.br
CONVITE
E INSCRIÇÃO
ENCONTRO DE TRABALHADORES DA ÁREA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

Venha participar do Encontro que  tem o objetivo de aproximar os trabalhadores,  trocar experiências e refletir sobre o trabalho atual e futuro do serviço social.
     Data:         15/8/2010  (domingo) – das 9  às 12h 

Local:       Casa de Cuidados Lar Transitório Batuíra, situado na  Rua Maria José, 311 Bela Vista - www.geb.org.br/lar

*** Vamos nos encontrar às 8 horas na Rua Tibério, 264 - Lapa (na sala da  USE Lapa), para facilitar o sistema de locomoção através de carona e transporte em conjunto.
Promoção: USE Distrital Lapa, órgão da União das Sociedades Espíritas do Estado de São Paulo - USE - uselapa@uselapa.com.br - www.uselapa.com.br
Público alvo: trabalhadores da assistência social  (diretores, profissionais da área  e voluntários)
Programa:

"DIFERENÇA ENTRE ASSISTÊNCIA    E    ASSISTENCIALISMO"

8,30 às 9 h  - Recepção  e cadastro dos inscritos.

9  às 9,10h  - Prece inicial e abertura da USE Distrital Lapa

9,10 às 9,20h  - Apresentação sobre as atividades da "Casa de Cuidados Lar Transitório Batuíra"

9,20 às 10,15 h - Tema "Voluntário na assistência social" - Palestrante convidado

10,15 às 10,30 h - intervalo para o café

10,30 às 11,50 h - Mesa redonda com os expositores "ASSISTÊNCIA E ASSISTENCIALISMO" -

11,50 às 12h  – Vibração  e prece final

Contato: Sr. Antonio Artoni - antoart@ig.com.br -                 uselapa@uselapa.com.br

Fazer a inscrição antecipada por telefone ou por email  para assegurar a sua vaga e melhor organização do encontro.

FICHA DE INSCRIÇÃO

ENCONTRO ENTRE TRABALHADORES DA ÁREA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

USE Distrital Lapa  - órgão da União das Sociedades Espíritas do Estado de São Paulo - dia 15 DE AGOSTO  DE 2010 - das 9h  às 12h – na Casa de Cuidados Lar Transitório Batuíra (www.geb.org.br/lar ) situado na  Rua Maria José, 311  - Bela Vista  -   São Paulo-SP  -  
* Se você fez a inscrição, mas por algum motivo não puder comparecer, por favor, avise a secretaria para que possamos passar a sua vaga para outra pessoa. Agradecemos a colaboração.

Emails para envio da ficha de inscrição:-

antoart@ig.com.br -                 uselapa@uselapa.com.br